quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Marketing do entretenimento nas igrejas, Fala sério varão!



Para atrair membros, pastores apostam exclusivamente no oferecimento de entretenimento. 
Criatividade e diferenciação. 
E se algum dia buscar a identificação com o público-alvo, sem corromper a Mensagem foi uma estratégia de evangelização, o que se vê por ai é a transformação das igrejas em clubes sociais.
O entretenimento e o oferecimento de um sistema de encorajamento compatível com a sociedade da conveniência é o centro da estratégia de fidelização de clientes. O Evangelho é secundário.
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

Nenhum comentário:

Postar um comentário