segunda-feira, 31 de outubro de 2011

QUE DIFERENÇA!


Um pequeno evento pode despertar em nós algo ainda estranho que nos é totalmente desconhecido. Antoine de Saint-Exupery
Que diferença um dia – tão-somente um dia - pode fazer! Em apenas um dia você pode estar cheio de desespero ou transbordando de entusiasmo diante de possibilidades alvissareiras! Em um dia você é capaz de se posicionar em direção a magníficas realizações, rumo a seus mais acalentados anseios.
Um dia é suficiente para que você faça uma enorme diferença na sua vida e na vida de outros, talvez muitos. Um dia repleto de pensamentos positivos e ações eficientes pode causar um impacto que irá repercutir por muitos anos, no futuro à sua frente.
E quando esse dia terminar haverá um outro dia, cheio de novas oportunidades: ele está bem perto de você. Quando você vive esse dia que Deus lhe dá com o máximo do seu potencial você passa a perceber a diferença que apenas um dia pode fazer. A realidade inequívoca é que quando você acumula dia após dia ações positivas e eficientes o resultado não será senão o acúmulo de verdadeiros milagres.
Que diferença um dia pode fazer! Imagine o que uma vida toda repleta desses dias é capaz de realizar em sua existência!

Para Meditação:
O Senhor Deus é a minha fortaleza, e faz os meus pés como os da corça, e me faz andar altaneiramente. Habacuque 3:19
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

O mensageiro e a mensagem





A primeira ordem de Jesus é "vem e segue-me". A última é "vá e pregue". A Igreja enfatiza muito a última ordem porque ela dá o sentido de missão e de propósito de ser da própria Igreja, mas há um perigo gigantesco em atender a essa ordem sem haver atendido à primeira antes.

Jesus nos constituiu pregadores a toda nação, tribo, língua e povo, mas também nos chamou para uma condição de filhos e filhas de Deus. É como filhos e filhas que levamos a mensagem ao mundo. Não somos um mensageiro cuja missão seja entregar uma mensagem que nem sabemos qual é, depois lavar as mãos e dar a missão por cumprida. Nós levamos a mensagem que vivemos. O Evangelho é pregado "em testemunho" (Mateus 24:14). Não somos meros veículos de uma mensagem; somos a própria mensagem, somos uma carta escrita de modo tal que todos que não abrem uma Bíblia a possam ler de forma inequívoca no nosso sorriso, nas nossas escolhas, na nossa conduta e nas prioridades que elegemos para nossa vida.

Às vezes penso em Noé. Pedro diz que Deus o constituiu "pregoeiro da justiça" e Hebreus afirma que pela sua justiça ele condenou os homens de seu tempo. Significa que Noé não apenas limitou-se a construir a arca segundo o modelo mostrado por Deus, mas que ele se ocupou de pregar a seus contemporâneos acerca do juízo que viria. Quando a chuva enfim veio, encontrou Noé e sua família abrigados na arca, o que significa, por outro lado, que Noé não apenas pregava. Chegava um momento em que ele pedia licença porque tinha uns pregos a pregar. Havia coerência estrita entre a pregação e a vida do pregador. Sua família notava isso.

A Igreja tem uma missão e essa missão envolve também pregar acerca de um juízo que está se aproximando. Haverá fogo como um dia houve água. A arca que há para ser construída hoje e que possibilitará passar incólume por aquele dia é nosso caráter. Poucos na igreja, contudo, pregam sobre esse dia. Menos ainda pregam e laboram na construção de seu caráter. Sem problemas. Não é preciso muitos, nem que eles sejam muito brilhantes. Só é preciso que eu esteja entre eles e o máximo de pessoas ao meu redor esteja também. Se eles puderem ler essa mensagem em minha vida, ótimo. Minha vida não terá sido em vão.

Mas só serei um mensageiro eficaz se antes eu tiver atendido à primeira ordem e tiver seguido Jesus, andado com Ele, passado horas e horas na Sua companhia, ouvindo Sua voz, admirando Sua ética e Seu caráter. Caso contrário serei um mero mensageiro, e não um filho dEle, e mensageiros não mudam vidas. A mensagem é que muda, com o poder do testemunho.
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

A FORÇA DA PACIÊNCIA.


A paciência é uma genuína expressão de confiança, aceitação, serenidade e fé. Paciência é sinal de força e de coragem. Joy Adams


Considere quantas dificuldades seriam menos angustiantes se houvesse um pouco de paciência. Certamente é importante um senso de urgência, porém isso é tão essencial quanto o equilíbrio alcançado com uma boa dose de paciência.

Sucesso real e duradouro e realizações sólidas acontecem quando você age com urgência e se torna paciente quanto aos resultados.

Realizações ambiciosas exigem tempo. Quando você tem paciência bastante para continuar fazendo o esforço necessário para atingir seu alvo, então você o alcançará.

A paciência o ajudará a enxergar um panorama maior e lhe dará as condições necessárias para compreender a importância de enxergar as coisas a longo prazo.

Ela o ajudará a melhorar seu relacionamento com as outras pessoas, e reduzirá o nível de estresse em sua vida.

A paciência consigo mesmo, com seu trabalho, com os outros, enfim, é um sinal garantido de que você está na trilha certa. Seja paciente, forte, positivo, e desfrute cada momento que a vida lhe revela.



Para Meditação:

Eis que o lavrador aguarda com paciência o precioso fruto da terra, até receber as primeiras e as últimas chuvas. Sede vós também pacientes e fortalecei o vosso coração. Tiago 5:7a,8a.

POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

LEVANTE-SE!


Quando você tem a confiança para se levantar de conde caiu, não existe mais a necessidade de ficar paralisado pelo medo de se cair novamente. Mesmo com as próximas falhas, tudo o que você precisa é dar um passo à frente rumo à sua realização. Gordon Merchant

São muitas as coisas nesta vida que podem levá-lo ao chão. Não existe contudo coisa alguma que possa detê-lo, bastando tão-somente que você esteja determinado e comprometido no propósito de prosseguir se levantando, quantas vezes forem necessárias. Uma vida bem-sucedida pertence àqueles capazes de suportar grandes desapontamentos, mas sempre dispostos a permanecer positivos e comprometidos em sua decisão de alcançar seus alvos, apesar de quedas eventuais.
A maneira de criar fortes músculos é levantar pesos cada vez mais pesados. Assim como acontece aos músculos, a força necessária para a concretização dos seus sonhos e realizações lhe virá quando você rapidamente passar a se erguer do chão, toda vez que cair. Tente nunca esquecer que desapontamentos não são desapontamentos. Eles são apenas experiências que têm um poder incrível de fortalecer a vontade e a determinação.
Todas as pessoas sabem o que é exprimentar desapontamentos. O próprio Deus nos afirma que neste mundo enfrentaríamos muita tribulação; mas que teríamos de ter bom ânimo. Não há, portanto, nada de novo com desapontamentos. Na verdade os vencedores são aqueles que reconhecem seus despontamentos, mas se recusam a encará-los como resultado final. Levante-se, pois, porque o melhor ainda está por acontecer!

Para Meditação:
Em tudo somos atribulados, porém não angustiados; perplexos, porém não desanimados; perseguidos, porém não desamparados; abatidos, porém não destruídos. 2 Coríntios 4:9-10
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

sábado, 29 de outubro de 2011

TEMPOS DIFÍCEIS.

Quando Deus olha para você, Ele vê algumas coisas que todas as outras pessoas ignoram. Myles Munroe
Vitalidade não nos vem em função de tempos de refrigério ou pelos prazeres que esta vida possa nos proporcionar; mas sim pelos problemas, angústias e desafios. Um alterofilista sabe que para que os seus músculos cresçam fortes e rijos eles devem ser elastecidos para que venham crescer em massa e volume. Da mesma maneira os músculos do seu caráter e personalidade são fortalecido pelas dificuldades que você tem de suportar.
Se não existisse a dor, nós não poderíamos reconhecer o prazer e muito menos desfruta-lo. Os tempos difíceis trazem à vida tanto significado quanto os tempos de refrigério. Cada obstáculo que você transpõe, faz de você uma pessoa ainda mais forte. Cada desafio que você suporta, faz com que os tempos de bonança sejam ainda mais significativamente desfrutados e valorizados.
Desafios nos tiram da letárgia, nos convidam à ação, nos mostram um caminho de crescimento. Imagine quão opaca seria a vida se as coisas caminhassem exatamente da maneira como você planejou. Demonstre uma nova apreciação pelos tempos de dificuldades porque eles trazem consigo imensas oportunidades.

Para Meditação:
Foi-me bom ter eu passado pela aflição, para que aprendesse os teus decretos. Salmos 119:71

 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

SEJA GRATO.

Gratidão abre as portas para a plenitude da vida. Transforma o que temos em suficiente e muito mais. Gratidão transforma negação em aceitação, caos em ordem, confusão em clareza. Gratidão transforma uma refeição em um banquete, uma casa em um lar, um estranho em um amigo. Gratidão traz sentido ao nosso passado, traz paz ao presente e cria uma visão para o futuro. Jeff Colleman
Seja grato pelo fato de você ainda não ter ainda aquilo que você tanto almeja, porque isto lhe da a oportunidade de persistir em busca do seu sonho.
Seja grato quando você ainda não sabe aquilo que você gostaria de saber, pois isto lhe dá a oportunidade de aprender.
Seja grato pelos momentos difíceis porque são durante esses tempos de dor e angustia que você tem uma grande oportunidade de crescimento.
Seja grato pelas suas limitacões, porque elas lhe dão uma excelente oportunidade para aperfeiçoamento.
Seja grato por cada novo desafio que surge a sua frente pois isso lhe da a oportunidade de lhe fortificar e solidificar o seu caráter.
Seja grato quando estiver cansado e exausto, porque você esta fazendo uma diferença.
E fácil ser grato pelas coisas boas e quando os ventos sopram em nosso favor. Porém, uma vida rica de significação vem para aqueles que são gratos pelos tropeços, quedas e eventuais fracassos.
A gratidão pode transformar o negativo em positivo. Pode transformar uma noite escura numa linda e promissora manhã ensolarada. Busque uma maneira de demonstrar genuína gratidão até mesmo pelos seus problemas porque eles podem ser o canal que Deus esta usando para abençoa-lo de uma maneira que você jamais sequer poderia imaginar.

Para Meditação:
Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco. I Tessalonicensses 5:18
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

NÃO SE INTIMIDE DIANTE DE OBSTÁCULOS.

Um grande sonho, em combinação com determinação, confiança, persistência e fé consistente pode fazer com que a vida se transforme na mais maravilhosa aventura a ser vivida. John Collins
Uma vez que você estabeleceu seus alvos e começou sua jornada rumo à sua realização, pode estar certo de que enfrentará dificuldades. Haverá sem dúvida alguns, ou inúmeros obstáculos, mas você não deverá se permitir intimidar por nenhum deles.
Quando Moisés libertou o povo do Egito ele pediu que doze espias fossem olhar a nova terra. Dez deles voltaram afirmando que nela havia muito mel e leite, mas também muitos gigantes (obstáculos). Os dez espias estavam prontos para desistir, porque se viam – conforme sua própria descrição - como gafanhotos, comparados com os gigantes.
Do grupo dos doze, apenas dois depositaram sua fé em Deus. Eles não se deixaram intimidar, porque sua fé era maior que os obstáculos - os gigantes.
Não se permita intimidar pelos gigantes desta vida. Quando Deus é por você, ele é maior que o mundo todo contra você!

Para Meditação:
Vê que proponho, hoje, a vida e o bem, a morte e o mal; se guardares o mandamento que hoje te ordeno, que ames o Senhor teu Deus, andes nos seus caminhos, e guardes os seus mandamentos, e os seus estatutos, e os seus juízos, então viverás e te multiplicarás, e o Senhor teu Deus te abençoará na terra à qual passas para possuí-la. Porém, se o teu coração se desviar, e não quiseres dar ouvidos, e fores seduzido, e te inclinares a outros deuses, e os servires, então hoje te declaro que certamente perecerás. Deuteronômio 30:15-18
 
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

Escuto ao Senhor

 

UMA QUESTÃO DE ATITUDE

A sua atitude é mais importante que os fatos. Douglas Bank
Muitas são as vezes em que enfrentamos obstáculos, e obstáculos que parecem grandes demais para serem superados. Aliás, não há quem não enfrente circunstâncias impossíveis de mudar.
A realidade, contudo, é que as nossas atitudes são mais importantes que os fatos. Stevie Wonder, por exemplo, nasceu cego, mas a sua atitude foi a de se perguntar: “E daí? O fato de ser cego não irá me impedir de ser um grande cantor!..." O jogador de basquete Spud Webb era de baixa estatura, mas a sua atitude foi a de não permitir que isso viesse a constituir obstáculo na sua carreira de jogador profissional de basquete. Há alguns anos ele ganhou a competição de bola ao cesto da NBA. Hellen Keller nasceu cega e muda, fazendo parte de uma geração na qual esse tipo de deficiência levava as pessoas para instituições. Ultrapassando todas as expectativas ela veio a se tornar a mulher notável, que deixou uma incrível contribuição para a humanidade.
Existem certos fatos na sua vida sobre os quais você não tem controle algum, nada pode fazer para mudar ou acabar com eles. No entanto, sua atitude pode transformar esses fatos. Com os olhos e uma determinação fixos em Deus o impossível terminará por se chamar possível.

Para Meditação:
Tudo posso naquele que me fortalece. Filipenses 4:13
 
 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

sexta-feira, 28 de outubro de 2011

O Casamento à luz da Bíblia.

77 decisões importantes para o seu casamento
1. Aceite o seu cônjuge como ele é.
“Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;” (I Cor. 13:5)
2. O casamento tem três pilares de sustentação: fé, comunicação e sexo.
“Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa só carne.” (Efésios 5:31)
3. Evite afirmativas que aumentem o conflito, como por exemplo “você sempre…”, “todas as vezes…”.
“Há alguns que falam como que espada penetrante, mas a língua dos sábios é saúde.” (Prov. 12:18)
4. Para manter o cálice do amor transbordando em seu casamento, admita logo o erro quando estiver errado e cale-se quando estiver certo.
“Semelhante, vós mulheres, sede sujeitas aos vossos próprios maridos; para que também, se alguns não obedecem à palavra, pelo porte de suas mulheres sejam ganhos sem palavras;” (I Pedro 3:1)
5. Feche a porta do divórcio.
“Porque o Senhor, o Deus de Israel diz que aborrece o repúdio e aquele que encobre a violência com a sua roupa, diz o Senhor dos Exércitos; portanto, guardai-vos em vosso espírito, e não sejais desleais.” (Malaquias 2:16)
6. O casamento é uma instituição sagrada para o Senhor.
“Assim não são dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem”. (Mat.19: 6)
7. Siga o padrão de Deus para o seu lar.
“Vós, mulheres, sujeitai-vos a vossos maridos, como ao Senhor; porque o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, sendo este mesmo o salvador do corpo. Assim também vós, cada um em particular, ame a sua própria mulher como a si mesmo, e a mulher reverencie o marido.” (Efésios 5:22,23,33)
8. Toda esposa necessita de gentileza no falar, no gesticular, no agir. Toda mulher necessita de um amigo.
“Assim devem os maridos amar as suas próprias mulheres, como a seus próprios corpos. Quem ama a sua mulher, ama-se a si mesmo.” (Efésios 5:28)
9. A pessoa amada tem necessidades diversificadas. Entre elas: ouvir palavras que declarem seu valor e sua importância (palavras de afirmação), e/ou receber inteira atenção, sem dividi-la (qualidade de tempo).
“Não atente cada um para o que é propriamente seu, mas cada qual também para o que é dos outros. De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que também ouve em Cristo Jesus,” (Filipenses 2:4,5)
10. A pessoa amada tem necessidades diversificadas. Entre elas: receber expressões de serviços como doação do outro que a fará sentir-se importante e/ou receber presentes.
“Igualmente vós maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações.” (I Pedro 3:7)
11. Existem pessoas que necessitam sentir-se lembradas, valorizadas. Para estas, receber presentes é uma expressão forte de amor.
“Seja bendito o teu manancial, e alegra-te com a mulher da tua mocidade.” (Provérbios 5:18)
12. Aprender a ouvir o cônjuge é muito parecido com o aprendizado de uma língua estrangeira. Persevere, vale à pena!
“Mas todo homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar.” (Tiago 1:19,20)
13. É sempre inteligente declarar sua apreciação pelas coisas boas que seu cônjuge faz, e com sinceridade.
“O amor não seja fingido. Aborrecei o mal e apegai-vos ao bem.” (Romanos 12:9)
14. Fazer alguém feliz pode significar, às vezes, abrir mão do bem estar pessoal momentâneo, como por exemplo, comodismo, preguiça, egoísmo.
“Andai em amor, como também Cristo vos amou e se entregou a si mesmo por nós em oferta e sacrifício a Deus, em cheiro suave.” (Efésios 5:2)
15. O que você diz pode salvar ou destruir uma vida. Portanto, use bem as suas palavras e você será recompensado.
“Sejam agradáveis as palavras da minha boca e a meditação do meu coração perante a tua face, Senhor, Rocha minha e Redentor meu!” (Salmos 19:14)
16. Nos relacionamentos, a comunicação não deve ser soberba.
“Da soberba só provém a contenda, mas com os que se aconselham se acha a sabedoria.” (Provérbios 13:10)
17. Ataque o problema, e não ao outro.
“Tem visto um homem precipitado no falar? Maior esperança há para um tolo do que para ele.” (Provérbios 29:20)
18. Os problemas não podem ser acumulados para depois descarregar sobre o outro. Enfrente e resolva-os com maturidade.
“Sobre tudo o que se deve guardar, guarda o teu coração, porque dele procedem as fontes da vida. Desvia de ti a falsidade da boca, e afasta de ti a perversidade dos lábios.” (Provérbios 4:23,24)
19. Expresse os sentimentos sem agredir o outro.
“Não saia da vossa boca nenhuma palavra torpe, mas só a que for boa para promover a edificação, para que dê graças aos que a ouve.” (Efésios 4:29)
20. Busque o melhor momento para se comunicar.
“O que responde antes de ouvir comete estultícia que é para vergonha sua.” (Prov. 18:13)
21. Aprenda a perdoar (esquecendo) para não criar raiz de amargura. Lembre-se de esquecer!
“Todos os dias dos aflitos são maus, mas o de coração alegre tem um banquete contínuo.” (Prov. 15:15)
22. Um não deve atirar sentimentos no outro. Busque trazer soluções quando apresentar os problemas (apontar erros).
“O homem se alegra na resposta da sua boca, e a palavra, a seu tempo, quão boa é!” (Prov. 15:22)
23. Cuidado quando for utilizar o humor para não aumentar a tensão. Utilize o humor só quando tiver convicção que vai aliviar a tensão.
“O coração do justo medita o que há de responder, mas a boca dos ímpios derrama em abundância as coisas más.” (Prov. 15:28)
24. Se quiser manter o cálice do amor transbordando em seu casamento, não utilize o sarcasmo um para com o outro.
“A língua dos sábios adorna a sabedoria, mas a boca dos tolos derramam a estultícia.” (Prov. 15:2)
25. No casamento, a comunicação deve ser adequada. O amor faz solicitações e não imposições.
“A morte e a vida estão no poder da língua; e aquele que a ama comerá do seu fruto.” (Prov. 18:21)
26. Quando você e seu cônjuge experimentar das adversidades da vida, não comunique a Deus o tamanho delas, mas diga para as adversidades o tamanho do seu Deus.
“Não andeis ansiosos por coisa alguma, mas em tudo, pela oração e súplica, com ações de graças, sejam as vossas petições conhecidas diante de Deus.” (Filipenses 4:6)
27. Escolha o momento certo e o local adequado para falar ao outro o que mais desagrada a você.
“A palavra branda desvia o furor, mas a palavra dura suscita a ira. A sabedoria do homem lhe dá paciência; a sua glória está em esquecer ofensas.” (Provérbios 15:1; 19:11)
28. Concentre-se em resolver as incompatibilidades que geram tensões conjugais.
“Porventura andarão dois juntos, se não estiverem de acordo? … tudo o que é verdadeiro, honesto, justo, puro, amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude e se há algum louvor, nisto pensai.” (Amós 3:3 / Filip. 4:8)
29. Uma pessoa não pode se deixar vencer pelo desespero, mas o vença pelo conhecimento da palavra de Deus.
“O coração sábio buscará o conhecimento, mas a boca dos tolos se apascentará de estultícia.” (Prov. 15:14)
30. Comunicação é um processo lento de maturidade de compreender e de se fazer compreendido.
“Os lábios dos sábios derramarão o conhecimento, mas o coração dos tolos não faz assim.” (Prov. 15:7)
31. As mulheres têm necessidades de conversar com seu companheiro e tê-lo como um grande amigo.
“Aquele que encontra uma esposa, acha o bem, e alcança a benevolência do Senhor.” (Prov. 18:22)
32. O casal deve andar juntos, não só literalmente. O diálogo é fundamental para que haja compreensão.
“O amor não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. O amor nunca falha;…” (I Coríntios 13: 6-8)
33. A cooperação também é importante para um casal que deseja andar, literalmente, juntos.
“E lhes darei um mesmo coração, e um só caminho, para que me temam todos os dias, para seu bem, e o bem de seus filhos, depois deles.” (Jeremias 32:39)
34. Trate o seu arranhão hoje, para mais tarde não se tornar algo mais sério. Não deixe para tratar o pecado amanhã.
“Irai-vos e não pequeis; não se ponha o sol sobre a vossa ira. Não deis lugar ao diabo.” (Ef. 4:26,27)
35. Decida amar seu cônjuge na linguagem que ele consegue compreender: seja palavras de afirmação, qualidade de tempo, formas de servir, toque físico, ou mesmo presentes.
“O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece.” (I Coríntios 13:4)
36. Marido e esposa, a comunicação é a chave do casamento. Portanto, compartilhe ao outro a sua própria linguagem do amor.
“Como cerva amorosa, e gazela graciosa; saciem-te os seus seios em todo o tempo; e pelo seu amor sê atraído perpetuamente.” (Provérbios 5:19)
37. O objetivo do amor não é obter o que se deseja, mas fazer algo pelo bem-estar daquele a quem se ama.
“Portanto, cada um de nós, agrade ao seu próximo no que é bom para edificação.” (Romanos 15:1)
38. A fidelidade entre marido e esposa é fruto da relação de ambos com Deus.
“O que adultera é falto de entendimento; destrói a sua alma o que tal faz. Achará castigo e vilipêndio, e o seu opróbrio nunca se apagará.” (Provérbios 6:32,33)
39. “Achar tempo” é questão de prioridade. Se a linguagem do seu cônjuge é qualidade de tempo, comece a planejar, abra mão de algumas atividades particulares em prol do outro. Vai valer a pena, acredite!
“O amor não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal;” (I Coríntios 13:5)
40. Há várias formas de presentear. O mais importante é a mensagem nas entrelinhas que o presente trás. Use e abuse de sua criatividade.
“Quem guardar o mandamento não experimentará nenhum mal; e o coração do sábio discernirá o tempo e modo.” (Eclesiastes 8:5)
41. Presente X Dinheiro. Investir no amor do seu cônjuge é semelhante a aquisição das ações mais caras da bolsa de valores.
“As muitas águas não poderiam apagar esse amor nem os rios afogá-los; ainda que alguém desse toda a fazenda de sua casa por este amor, certamente a desprezariam.” (Cantares 8:7)
42. Para Adão, Deus não criou os amigos, mas uma esposa. A instituição sagrada chamada “Família” nasceu do coração de Deus, e Ele não comete erros.
“Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus, e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem.” (Hebreus 12:15)
43. Todas as tentações que um casal pode sofrer, também podem enfrentar e vencer.
“Meus irmãos, tende grande gozo quando cairdes em várias tentações; bem-aventurado todo aquele que suporta a tentação; porque, quando for provado, receberá a coroa da vida, a qual o Senhor tem prometido aos que o amam.” (Provérbios 1:2,12)
44. Por trás de um marido passivo há quase sempre uma esposa selvagem e/ou rixosa.
“É melhor morar numa terra deserta do que com a mulher rixosa e irritadiça.” (Provérbios 21:19)
45. Toda tribulação na vida de um casal cristão é passageira.
“Tenho-vos dito isso, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo; eu venci o mundo….e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé.” (João 16:33/ I João 5:4)
46. Os problemas internos ou externos podem turbar o espírito do casal, mas jamais destruí-los, quando Jesus Cristo é o alicerce da relação.
“Alegrai-vos na esperança, sede pacientes na tribulação, perseverai na oração.” (Romanos 12:12)
47. Um lar tem início com um compromisso de amor e fidelidade, e Deus como o seu arquiteto.
“Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela.” (Salmos 127:1)
48. A jóia mais preciosa que um homem pode dar a sua esposa é amá-la incondicionalmente, sendo este também o presente mais almejado pelos filhos.
“Vós, maridos, amai as vossas mulheres como Cristo amou a igreja, e a si mesmo se entregou por ela,” (Efésios 5:25)
49. É possível o casal discordar sem brigar. Procure não exagerar nem se envolver em rixas.
“Toda a amargura, e ira, e cólera e gritaria, e blasfêmia e toda malícia sejam tiradas dentre vós, antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.” (Efésios 4:31)
50. Procure se colocar na posição do seu cônjuge para entender melhor algumas de suas opiniões. Evite aborrecer um ao outro.
“…não amemos de palavras, nem de língua, mas por toda obra e em verdade.” (I João 3:18)
51. Procure ser um bom ouvinte, mas não use do silêncio para representar ao cônjuge uma resposta negativa ou frustá-lo ao hesitar responder.
“Com toda a humildade e mansidão, com paciência, suportando-vos (grego = sustentando) uns aos outros em amor, procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz.” (Efésios 4:2,3)
52. É importante para o casal sempre escolher o melhor momento e hora para dialogar, definir as áreas de concordância e de discordância, e fazer uma alta análise de si mesmos.
“O homem se alegra em responder bem, e quão boa é a palavra dita a seu tempo!” (Provérbios 15:23)
53. É importante para o casal identificar sua parcela de culpa nos conflitos, quando necessário mudar de atitudes ou comportamento, contribuindo assim, para a resolução dos mesmos. Orar juntos, pedindo a orientação e graça de Deus, nestes momentos é fundamental.
“O amor não faz mal ao próximo. De sorte que o cumprimento da lei é o amor.” (Rom. 13:10)
54. Esposa, procure ser sempre bondosa para com as virtudes do seu cônjuge e um pouco cega para as faltas do mesmo.
“Que, quanto ao trato passado, vos despojeis do velho homem, que se corrompe pelos desejos da carne e engano; e vos revistais do novo homem, que segundo Deus é criado em verdadeira justiça e santidade.” (Ef. 4:22,24)
55. Palavras agradáveis, porém sinceras, solidificam a relação e produzem um eco verdadeiramente eterno.
“Favos de mel são as palavras agradáveis, doçura para a alma e saúde para os ossos.” (Prov.16:24)
56. Alguns casais afim de se firmarem na vida, se esquecem de viver e de crescer espiritualmente.
“Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz. Pois que aproveita ao homem chamar o mundo inteiro e perder a sua alma?…” (Romanos 8:6/ Mateus16:26)
57. Um falar sem o alimento espiritual é um lar onde há o pão de cada dia para se alimentar o corpo, porém a alma nunca é suprida.
“Está escrito: Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus.” (Mateus 4:4)
58. Para perdoar seu cônjuge é necessário dar amor quando não existe motivo para dar. Para que ambos sejam felizes é indispensável que se tornem bons perdoadores.
“Antes sede uns para com os outros benignos, compassivos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.” (Efésios 4:32)
59. O amor faz o giro do mundo valer a pena. Ele é o produto do hábito e deve motivar o cônjuge levar sempre a sério o outro, ao invés de si mesmo em demasia.
“Completai a minha alegria, para que sintais o mesmo, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, sentindo uma mesma coisa. Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo.” (Filipenses 2:2,3)
60. O bom senso somado ao amor apagam a linha divisória entre o seu e o meu.
“Desposar-te-ei comigo para sempre; eu te desposarei comigo em justiça, em juízo, em benignidade e em misericórdia.” (Oséias 2:19)
61. Deus nos criou sexuais não somente para a procriação, mas também para o prazer sexual do casal.
“O que acha uma esposa, acha uma coisa boa, e recebe o favor do Senhor. Goza a vida com a mulher que amas todos os dias da tua vaidade…” (Provérbios 18:22; Eclesiastes 9:9a)
62. Tanto o marido como a esposa têm direitos e deveres. Diante de Deus, cada um é responsável em colocar como prioridade, as necessidades sexuais e emocionais do outro.
“Como vós quereis que os homens façam, da mesma maneira fazei-lhes vós também.” (Lucas 6:31)
63. Limite não há para o prazer sexual, desde que o casal esteja dentro da vontade e princípios de Deus. E não há espaço para razões egoístas.
“Eis que os caminhos do homem estão perante os olhos do Senhor, e ele pesa todas as suas veredas.” (Provérbios 5:21)
64. Quando um casal sela um compromisso com Deus e a Sua palavra, não há limites para a satisfação sexual que podem experimentar.
“…Tornando-se uma só carne; o amor jamais acaba…” (Gênesis 2:24b/ I Coríntios 13:8a)
65. Criatividade, assim como a tomada de atitude dos cônjuges em relação à própria sexualidade, também se constitui no alicerce para o êxtase do prazer sexual.
“Desejo muito a sua sombra, e debaixo dela me assento; e o seu fruto é doce ao meu paladar. Levou-me à casa do banquete, e o seu estandarte sobre mim era o amor.” (Cantares 2:3,4)
66. O prazer sexual deve basear-se tanto na aceitação da satisfação sexual do outro, como, principalmente, na aprovação de Deus.
“…Sabendo que nenhum sodomita herdará o reino de Deus; venerado seja entre todos o matrimônio e o leito sem mácula…” (I Coríntios 6:9/ Hebreus 13:4a)
67. O stress de ordem financeira, na família, por vezes, é fruto da falta de discernimento em distinguir entre necessidades e desejos.
“Não digo isto como por necessidade, porque já aprendi a contentar-me com o que tenho…Vigiai e orai para que não entreis em tentação…” (Filipenses 4:11/ Marcos 14:38a)
68. O descontrole financeiro tem sido um forte adversário do amor entre marido e mulher. O casamento requer compromisso, da mesma forma, tudo que é bom.
“Ora, a perseverança deve terminar a sua obra, para que sejais maduros e completos, não tendo falta de coisa alguma.” (Tiago 1:4)
69. Um casal que se ama deve estar sempre pronto a ser flexível e ajustar-se a qualquer mudança radical, objetivando o ajuste financeiro.
“…Em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a Ter fome; tanto a Ter em abundância, como a padecer necessidades. Posso todas as coisas naquele que me fortalece.” (Filip. 4:12,13)
70. Um casal deve aprender a fazer investimentos sábios para o Reino de Deus, com boa vontade e não por obrigação.
“Mas ajunteis tesouros no céu, onde a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam, nem roubam…Servo bom e fiel sobre o pouco foste fiel, sobre o muito te colocarei, entra no gozo do teu Senhor…” (Mateus 6:19,20; 25:14-30)
71. Um casal sábio e temente jamais coloca “Deus na parede”, financeiramente falando. Contudo, reconhece que Ele é capaz de suprir a falta de dinheiro quando ocorrer.
“O meu Deus, segundo as suas riquezas, suprirá todas as vossas necessidades em glória, por Cristo Jesus.” (Filipenses 4:19)
72. O relacionamento sexual também é uma mistura de comunicação, unidade, prazer e entrega entre os cônjuges.
“O marido conceda à mulher a devida benevolência, e da mesma sorte a mulher ao marido. Completai o meu gozo, para que tenhais o mesmo modo de pensar, tendo o mesmo amor, o mesmo ânimo, pensando a mesma coisa.” (I Coríntios 7:3/ Filipenses 2:2)
73. No casamento não deve existir espaços para razões egoístas, pois quem ama não priva o outro do prazer sexual sem que haja concordância mútua.
“Não vos priveis um ao outro, salvo talvez por mútuo consentimento, por algum tempo, para vos dedicardes à oração e novamente vos ajuntardes para que Satanás não vos tente por causa da incontinência.” (I Coríntios 7:5)
74. Toda esposa deseja se sentir amada e desejada. Toda esposa sábia é capaz de comunicar seus sentimentos.
“Mulher virtuosa, quem a achará? O seu valor muito excede o de rubis. Abre a boca com sabedoria, e a instrução fiel está na sua língua.” (Provérbios 31:10, 26)
75. O tom de voz errado tem sido o grande vilão para os atritos da vida conjugal.
“E, sobre tudo isto, revesti-vos de amor, que é o vínculo da perfeição.” (Colossenses 3:14)
76. Compartilhar as tarefas domésticas também é uma prova de amor.
“E esta é a minha oração: que o vosso amor aumente mais e mais em pleno conhecimento e toda percepção.” (Filipenses 1:9)
77. O melhor de um casamento de muitos anos é apaixonar-se muitas vezes, sempre pela mesma pessoa.
“Agora permanecem estas três: a fé, a esperança e o amor, mas o maior destes é o amor. Portanto, cuidai-vos de vós mesmos, e ninguém seja desleal para com a mulher da tua mocidade.” (I Cor 13:13/ Malaquias 2:15)
Deus os abençoe. Paz!


POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Símbolo da Igreja Adventista
Em 1863, a Igreja Adventista do Sétimo Dia foi criada por pessoas que, através de estudos da Bíblia, passaram a compreender a palavra de Deus e seus propósitos desligando-se das coisas terrenas. Foram liderados por Ellen Gould Harmon que restaurou a fé de algumas pessoas que se viram frustradas por William Miller. Este pregava a vinda de Cristo e estabelecia a data que isso ocorreria fazendo com que as pessoas tivessem expectativas quanto a este dia que não viram. Eram aproximadamente 100.000 pessoas que se reuniram para aguardar a vinda de Cristo, o que não ocorreu.

Ellen, por sua vez, restaurou a fé dessas pessoas continuando a pregar a volta de Jesus Cristo utilizando a Bíblia para comprovar que não se sabe o dia e a hora de tal fato. Desde então buscam levar a mensagem da vinda de Jesus Cristo para o mundo, atentando as pessoas para que se prontifiquem para este encontro que pode ocorrer a qualquer momento, já que as profecias descritas na Bíblia, que antecederiam a vinda de Cristo, já estão se cumprindo.

Acreditam nas sagradas escrituras inspiradas por Deus;
No Deus Triúno;
Deus Pai como criador de todas as coisas;
Deus Filho encarnado em Jesus Cristo;
Deus Espírito Santo como fonte de inspiração, realização da encarnação e redenção;
A criação do mundo e de tudo o que nele há por meio de Deus;
A natureza humana semelhante à de Deus;
O conflito travado entre Jesus e Satanás;
A trajetória de Jesus Cristo como homem obediente e temente a Deus
Além de outras.
Seguem rigorosamente os ensinamentos bíblicos como guardar o sábado, não ter vícios, não comer algumas espécies de carne, utilizar o batismo como confissão de fé bem como a santa-ceia como símbolo de comunhão entre o homem e Deus e tantas outras.

 
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

A concepção do purgatório.



O purgatório era uma questão antiga do cristianismo e já existia em outras religiões.
Como bem se sabe, a questão da vida após a morte era um dos temas de grande preocupação para a maioria dos cristãos do tempo medieval. As privações, angústias, pecados e sacrifícios feitos em vida poderiam determinar o tormento dos infernos ou o regozijo da vida celestial. Era mediante esses dois caminhos que o homem se via sem nenhuma garantia sobre os seus destinos de ordem sobrenatural.

Mas, afinal de contas, seria possível determinar quais pessoas iriam para o céu ou para o inferno, tendo em vista que todos os homens estavam sujeitos a cometer falhas em vida?

Como seria possível quantificar, por exemplo, que um indivíduo tivesse ou não pecado o suficiente para então ser condenado ao inferno? Será que apenas os santos ou os que viviam em vida plenamente casta é que tinham sua entrada aos céus garantida? As dúvidas pareciam já não ter fim.

No século IV d.C., Santo Agostinho olhava para essas questões buscando imaginar ou projetar um meio termo entre a condenação e a salvação eterna. A seu ver, as pessoas mais inclinadas ao pecado deveriam ser condenadas ao inferno. Contudo, caso as orações dos vivos em seu favor tivessem força, ele poderia ter o seu sofrimento amenizado pela força divina. Por outro lado, aqueles que tiveram alguns pecados deveriam passar por uma preparação para uma posterior entrada nos céus.

Na fala de Santo Agostinho, percebemos a necessidade de um terceiro destino capaz de repensar o julgamento sempre tão complicado dos atos humanos. Séculos mais tarde, exatamente no ano de 1170, o teólogo francês Pierre le Mangeur empregou a palavra laina purgatorium para descrever uma localidade entre os céus e o inferno. Na condição de entrelugar, diversos artistas ocidentais que imaginaram uma representação do purgatório exploraram elementos de natureza tanto sagrada como demoníaca.

Explorando outras culturas e religiões, vemos que essa terceira via também aparece em outras crenças e religiões. Relatos do século VI a.C., apontam que os hindus acreditavam que seus mortos poderiam ser levados a três lugares diferentes: o mundo da luz ficaria reservado aos justos, as reencarnações punitivas seriam impostas aos que pecavam deliberadamente e os intermediários viviam uma época de tormentas que seria logo substituída por uma série de renascimentos e aperfeiçoamentos.

Consolidada no mundo cristão no século XII d.C., a ideia de purgatório acabou sendo benéfica em um momento em que a própria sociedade medieval começava a extrapolar as ordens tradicionais dos feudos. O renascimento das cidades e o desenvolvimento das atividades comerciais abriram campo para a existência de grupos sociais cada vez mais heterogêneos. Sendo assim, o purgatório tinha a função de abarcar a gama de comportamentos que não se enquadravam na dualidade dos céus e do inferno.


POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Pastor que queimou Alcorão será candidato à presidência dos EUA.

Ele promete deportação imediata de 20 milhões de cidadãos ilegais

 
O pastor Terry Jones dá entrevista em Gainesville.
O pastor evangélico americano Terry Jones, cuja igreja queimou publicamente um exemplar do Alcorão, está preparando sua campanha para se candidatar à presidência dos Estados Unidos, informou em um comunicado nesta quinta-feira (27).

A campanha, denominada "Se levante agora Estados Unidos", propõe sete pontos centrais em sua agenda entre os quais destaca-se "deportar todos os ilegais". "Temos que começar imediatamente a deportação dos 20 milhões de cidadãos ilegais que estão vivendo em nosso país", diz o comunicado de campanha. A estimativa oficial de ilegais nos Estados Unidos é de 11 milhões.

Jones propõe também reduzir os impostos às corporações porque são um "dos mais altos no mundo" e diz que se estes forem reduzidos, impulsionará a abertura de novos negócios, e as corporações já existentes poderão "se expandir, portanto criar mais postos de trabalho".

Entre sua oferta de reduzir o gasto militar, equilibrar o orçamento da nação e cortar os gastos, oferece também diminuir a burocracia tanto no Estado como nas companhias.

"Estamos nos afogando em burocracia, regras e regulações", afirmou.

O pastor Terry Jones, que dirige a igreja Dove World Outreach Centre em Gainesville, centro da Flórida, despertou a atenção mundial em setembro de 2010 por seu plano de queimar exemplares do Alcorão em sua igreja no aniversário dos atentados terroristas de 11 de setembro nos Estados Unidos.

Após fortes reações no mundo muçulmano e condenações de líderes internacionais, entre eles do presidente americano Barack Obama, Jones desistiu de sua ideia e disse que nunca mais voltaria a tentar, mas não cumpriu sua promessa.

O controverso pastor Jones presidiu a queima do Alcorão em sua igreja em 20 de março deste ano, uma ação que ameaçava levar à prática há tempos, apesar de ter sido advertido, inclusive pelo governo americano, sobre o risco que significaria esse fato para as tropas dos Estados Unidos e outras no Afeganistão.


POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Consulte sempre que estiver triste!


1.Caminhem de 10 a 30 minutos todos os dias e sorria enquanto caminha.
Caminhada-1.jpg
Oração-1.jpg
2.Ore na intimidade com Deus pelo menos 10 minutos por dia, em segredo, se for necessário.
3.Escute boa música todos os dias. A música é um autêntico alimento para o espírito.
4.Ao se levantar de manhã, fale "Deus, meu Pai, Te agradeço por este novo dia".
Saxofone-1.jpg
Brincar-1.jpg
5.Viva com os 3 "E": Energia, Entusiasmo e Empatia.
6.Participe de mais brincadeiras do que no ano passado.
7.Sorria mais vezes do que o ano passado.
Sorrir-1.jpg
Sonhar-1.jpg
8.Olhe para o céu pelo menos uma vez por dia e sinta a majestade do mundo que rodeia você.
9.Sonhe mais, estando acordado.
10.Coma mais alimentos que crescem nas árvores e nas plantas, e menos alimentos industrializados.
Legumes-1.jpg
Risada-1.jpg
11.Coma nozes e frutas silvestres. Tome chá verde, muita água e um cálice de vinho ao dia. Cuide de brindar sempre por alguma das muitas coisas belas que existem em sua vida e, se possível, faça em companhia de quem você ama.
12.Faça rir pelo menos 3 pessoas por dia.
13.Elimine a desordem de sua casa, seu carro e seu escritório. Deixe que uma nova energia flua em sua vida.
Limpeza-1.jpg
Fofoca-1.jpg
14.Não gaste seu precioso tempo em fofocas, coisas do passado, pensamentos negativos ou coisas fora de seu controle. Melhor investir sua energia no positivo do presente.
15.Tome nota: a vida é uma escola e você está aqui para aprender. Os problemas são lições passageiras, o que você aprende com eles é o que fica.
16.Tome o café da manhã como um rei, almoce como um príncipe e jante como um mendigo.
Rei-1.jpg
Abraço-1.jpg
17.Sorria mais.
18.Não deixe passar a oportunidade de abraçar quem você ama. Um abraço!
19.A vida é muito curta para você desperdiçar o tempo odiando alguém.
Odiar-1.jpg
Discussão-1.jpg
20.Não se leve tão a sério. Ninguém faz isto.
21.Não precisa ganhar cada discussão. Aceite a perda e aprenda com o outro.

22.
Fique em paz com o seu passado para não estragar o seu presente.
Paz-2.jpg
Paz-1.jpg
23.Não compare sua vida com a dos outros. Você não sabe como foi o caminho que eles tiveram que trilhar na vida.
24.Ninguém está tomando conta da sua felicidade a não ser você mesmo.
25.Lembre que você não tem o controle dos acontecimentos, mas sim do que você faz deles.
Aprender-1.jpg
Pensando-2.jpg
26.Aprenda algo novo cada dia.
27.O que os outros pensam de você não é de sua conta.
28.Ajude sempre os outros. O que você semeia hoje, colherá amanhã.
Ajudar-5.jpg
Ajudar-1.jpg
29.Não importa se a situação é boa ou ruim, ela mudará.
30.O seu trabalho não cuidará de você quando você estiver doente. Seus amigos sim. Mantenha contato com seus amigos.
31.Descarte qualquer coisa que não for útil, bonita ou divertida.
Lixo-1.jpg
Pensando-1.jpg
32.A inveja é uma perda de tempo. Você já tem o que você precisa.
33.O melhor está ainda por vir.
34.Não importa como você se sente: levante, vista e participe.
Amor-1.jpg
Telefone-1
35.Ame sempre com todo o seu ser.
36.Telefone para seus parentes freqüentemente e mande emails dizendo: Oi, estou com saudades de vocês!
37.Cada noite, antes de deitar, agradeça a Deus por mais um dia vivido.
Oração-2
38.Lembre que você está muito abençoado para estar estressado.
Trem-1
39.Desfrute da viagem da vida. Você só tem uma oportunidade, tire dela o maior proveito.
40.Envie esta mensagem a quem você gosta, incluíndo você mesmo, pois, o contrário não terá o menor sentido! : )
Que deus abençõe a todos vocês.
POSTADO POR PR. GENILDO ALVES.